jump to navigation

35>Tiradentes>05.02.08 março 26, 2008

Posted by bttgeraes in 1, ROTAS.
trackback

………………………………………………………………………………………

Ficha técnica:

Localidade: Tiradentes – MG
Data: 05 de fevereiro de 2008
Distância total: 17km em 5h
Reabastecimento d’água: sim
Sinal de celular: bom
Tipos de via:
– estrada de calçamento de pedra:
65%
– ruas calçadas de pedra: 30%
– estrada de terra: 5%
Navegação: fácil
Nível de dificuldade: médio
………………………………………………………………………………………

Carnaval Todo Terreno > parte II

r35-pe-da-serra1.jpg

r35-reguinho2.jpg

Acordei tranqüilo em Santa Cruz só querendo curtir o sossego. O tempo parecia estável. Parti na hora do almoço em direção a Tiradentes pensando num passeio leve, talvez até Prados ou Bichinho.

r35-caminho.jpg

r35-regato.jpg

Depois de vencer o trecho calçado que me separava da cidade histórica, passando pela entrada do Mangue, cheguei à Igreja da Santíssima Trindade.

r35-entrada-mangue.jpg

Na minha opinião é a melhor igreja da região, pois preserva toda a infra-estrutura para receber os tropeiros e cavaleiros nas diversas festividades e quermesses que têm ali seu ponto de encontro.

r35-patio.jpg

r35-pneu.jpg

Alamedas sombreadas conduzem até as acomodações para homens e animais. Cochos, chafarizes e até uma pequena vila podem ser vistos nos fundos do terreno da igreja.

r35-fundos.jpg

r35-fach-02-igreja-strind.jpg

A garoa começou a cair e rapidamente se transformou em um forte aguaceiro. Abriguei-me na área destinada aos romeiros e me arrependi por não ter levado um livro. A chuva aumentava e diminuía, para então aumentar de novo, mantendo-me ali como um refém do tempo.

r35-chuva.jpg

O ataque à cidade não estava frustrado. Depois de mais de uma hora de chuva forte, pelo menos as pedras do calçamento estariam limpas. Se o sol colaborasse, poderia tirar boas fotos.

r35-ladeira.jpg

r35-rua-serra.jpg

Pretendia me divertir tentando passar sem percalços por aquelas pedras enormes que forram as ruas, passeando pelas travessas e tentando caminhos alternativos. Tiradentes molhada é uma grande armadilha para o ciclista. Ou diversão, dependendo do nível de preparo físico e técnico.

r35-casario.jpg

r35-na-cidade.jpg

Perdi-me por entre ruelas e ladeiras, tendo sempre ao fundo o cenário histórico dos velhos casarões, pesados muros e grandes árvores, mudas testemunhas da história. As nuvens subiam e desciam pela Serra de São José, fazendo a chuva ir e vir ao sabor do vento. À tardinha apareceu um sol tímido que ajudou nas fotos e no pedal.

r35-ruela.jpg

r35-paineira.jpg

Percorri diversas grotas de Tiradentes. Só quem conhece aquela cidadela pode avaliar corretamente a dificuldade da empreitada e a beleza aquelas pedras. Tentei acessar a trilha Mãe D’água mas nessa hora veio mais chuva. O caminho de volta ainda me apresentaria outras surpresas.

r35-cachoeira.jpg

r35-trilha-mangue.jpg

r35-reflexo.jpg

Inúmeras são as possibilidades de trilhas e acessos a recantos históricos e esquecidos da região. O carnaval ganhava novo significado.

r35-serra-nublada.jpg

r35-estatueta.jpg

Anúncios

Comentários»

1. Angela - abril 22, 2008

Belas fotos!

Sensibilidade e bom gosto. Parabéns!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: